Arquivos



Bem vindo, Francisco

31.julho.2013

Existe um dito interessante e espirituoso, cujo significado bem expressa algum tipo de desencanto: “É como ir a Roma e não ver o papa”. Ou seja, perdeu-se o principal, deixou-se de presenciar algo importante.

Ver o papa pessoalmente talvez seja o sonho de todo cristão, de todo católico que faz parte da vida da Igreja. O papa é o grande pastor, o chefe supremo de uma instituição que atravessou séculos de história e continua iluminando o mundo.

No momento em que este líder espiritual visita um país, a chance de vê-lo de perto se amplia consideravelmente e pode tornar-se realidade para multidões de fiéis.

Eis que o papa Francisco pisa em solo brasileiro, para a Jornada Mundial da Juventude, sediada no Rio de Janeiro, onde comparecem jovens de todas as partes do mundo. É o belo encontro do pastor com expressiva parcela do seu rebanho.

Além da sua estada na Cidade Maravilhosa, no roteiro do santo padre constou a visita à Basílica de Aparecida, num gesto que reforça a sua postura de aproximação com o povo, sobretudo com os mais humildes, os peregrinos que nos finais de semana lotam aquele centro religioso.

E foi lá, no santuário mariano, que o papa …




Emocione-se. Você sente, logo existe. Hoje pode ser um grande dia na sua historia se você fizer.

Acredite no poder que existe dentro de você e faça acontecer.

Clique sobre a imagem para ler FELIZ DIA NOVO!!!!…




cansado

Eis um fato surpreendente: o trabalho mental sozinho não pode cansá-lo. Parece absurdo, mas há poucos anos, cientistas procuraram descobrir quanto o tempo o cérebro humano poderia funcionar sem chegar a uma diminuição de capacidade para o trabalho – que é o que se define como fadiga. Para espanto geral, eles descobriram que o sangue que passa através do cérebro quando este está em atividade intelectual, não revela nenhum sinal de fadiga! A comparação foi feita com o sangue de um trabalhador braçal; enquanto ele está trabalhando seu sangue está cheio de “toxinas da fadiga” e outras reações.

O resultado indica que o cérebro pode funcionar tão bem e rapidamente tanto no princípio quanto no fim de 8, 10 ou mais horas de trabalho. O cérebro é totalmente incansável.

O que é, então que faz com que fiquemos cansados? Segundo alguns estudiosos, a maior parte da fadiga que experimentamos é de origem mental, ou seja, nosso cansaço deriva das nossas atitudes mentais e emocionais. O trabalho árduo, pesado, por si só, raramente causa fadiga que não possa ser curada com uma boa noite de sono ou com repouso. Já as preocupações, os estados de tensão e os distúrbios emocionais são …




exupéry

“As pessoas têm estrelas que não são as mesmas. Para uns, que viajam, as estrelas são guias. Para outros, elas não passam de pequenas luzes. Para outros, os sábios, são problemas. Para o meu negociante, eram ouro. Mas todas essas estrelas se calam. Tu, porém, terás estrelas como ninguém… Quero dizer: quando olhares o céu de noite, (porque habitarei uma delas e estarei rindo), então será como se todas as estrelas te rissem! E tu terás estrelas que sabem sorrir! Assim, tu te sentirás contente por me teres conhecido. Tu serás sempre meu amigo (basta olhar para o céu e estarei lá). Terás vontade de rir comigo. E abrirá, às vezes, a janela à toa, por gosto… e teus amigos ficarão espantados de ouvir-te rir olhando o céu. Sim, as estrelas, elas sempre me fazem rir! ”

Antoine de Saint-Exupéry, o escritor com alma de poeta, escreve “O Pequeno Príncipe” um ano antes de sua morte, em 1944. É o personagem mais conhecido e rico em verdades sobre o relacionamento humano, que ensina a enxergar com o coração. Suas reflexões jamais passarão com o tempo ou com a morte de seu criador, quase 70 anos depois: a maneira como nos …




Reflexão

31.julho.2013

dor
Às vezes, na estranha tentativa de nos defendermos da suposta visita da dor, soltamos os cães. Apagamos as luzes. Fechamos as cortinas. Trancamos as portas com chaves, cadeados e medos. Ficamos quietinhos, poucos movimentos, nesse lugar escuro e pouco arejado, pra vida não desconfiar que estamos em casa. A encrenca é que, ao nos protegermos tanto da possibilidade da dor, acabamos nos protegendo também da possibilidade de lindas alegrias. Impossível saber o que a vida pode nos trazer a qualquer instante, não há como adivinhar se fugirmos do contato com ela, se não abrirmos a porta.

Não há como adivinhar e, se é isso que nos assusta tanto, é isso também que nos dá esperança. 

(por Ana Jácomo)




Nadar é considerado um dos exercícios mais completos que existem. Além de ser relaxante, aumentar a concentração e melhorar a capacidade respiratória, o esporte trabalha todos os músculos do corpo.

Além de ser praticado por quem quer manter a forma física, ele é utilizado também com finalidades terapêuticas e no tratamento de doenças respiratórias, como asma e bronquite, por exemplo. Isso sem falar que esse esporte é sempre muito divertido, especialmente em um país quente como o nosso.

Nadar  possibilita movimentar todos os músculos do corpo ao mesmo tempo, simplesmente variando o estilo. No crawl, peito, costas e borboleta – braços e pernas se movimentam sem parar, proporcionando ao corpo maior resistência e ganho de força muscular.

Dependendo do estilo, alguns músculos são mais exigidos que outros. No nado crawl, por exemplo, são os tríceps. No estilo peito, os bíceps. Ao nadar de costas, a pessoa trabalha com muita ênfase a região peitoral e ombros e no nado borboleta, costas, tríceps e peitoral.

Os benefícios não param por aí. A natação melhora ainda a capacidade respiratória, promove o relaxamento, aumenta o equilíbrio, a sustentação, concentração e a coordenação motora.

E mais, o esporte é pata todos – sem limite de …




mario-quintana-deitado

“Nasci em Alegrete, em 30 de julho de 1906. Creio que foi a principal coisa que me aconteceu. E agora pedem-me que fale sobre mim mesmo. Bem! eu sempre achei que toda confissão não transfigurada pela arte é indecente. Minha vida está nos meus poemas, meus poemas são eu mesmo, nunca escrevi uma vírgula que não fosse uma confissão. Ah! mas o que querem são detalhes, cruezas, fofocas… Aí vai!

Estou com 78 anos, mas sem idade. Idades só há duas: ou se está vivo ou morto. Neste último caso é idade demais, pois foi-nos prometida a Eternidade. Nasci no rigor do inverno, temperatura: 1 grau; e ainda por cima prematuramente, o que me deixava meio complexado, pois achava que não estava pronto. Até que um dia descobri que alguém tão completo como Winston Churchill nascera prematuro – o mesmo tendo acontecido a Sir Isaac Newton! Excusez du peu…

Prefiro citar a opinião dos outros sobre mim. Dizem que sou modesto. Pelo contrário, sou tão orgulhoso que acho que nunca escrevi algo à minha altura. Porque poesia é insatisfação, um anseio de auto-superação. Um poeta satisfeito não satisfaz. Dizem que sou tímido. Nada disso! Sou é caladão, introspectivo. Não sei




Comida para a mente

30.julho.2013

É obvio que uma alimentação saudável proporciona um corpo saudável. O que está em foco agora é a importância dos alimentos para a mente.

Estudos recentes concluíram que tudo o que ingerimos além de interferir no corpo, age diretamente no cérebro.

Pode ser até assustador, mas já está comprovado que hábitos alimentares errados podem obstruir os neurotransmissores e provocar alguns distúrbios como ansiedade e depressão, além de contribuir para a destruição da memória.

Fique atento aos alimentos prejudiciais e procure evitá-los; pequenas mudanças em seus hábitos podem fazer grande diferença. Aqui vão algumas dicas preciosas:

Os maiores vilões para o cérebro – quando consumidos em grande quantidade são: açúcar refinado, farinha, gorduras saturadas, cafeína – presente no café, alguns refrigerantes e chás – além do álcool.

Os “mocinhos” dessa história são os conhecidíssimos vegetais, grãos e frutos em geral. Eles sozinhos fornecem ao cérebro uma dose regular de glicose, provocando um efeito calmante, melhorando a memória e a capacidade de resolver problemas.

No mesmo time estão as proteínas – presentes em carnes, ovos e derivados do leite, e os antioxidantes – conhecidos por sua ação contra doenças em geral e o envelhecimento.

Quer ficar em dia com a sua alimentação? …




Emocione-se. Você sente, logo existe. Hoje pode ser um grande dia na sua historia se você fizer.

Acredite no poder que existe dentro de você e faça acontecer.

Clique sobre a imagem para ler FELIZ DIA NOVO!!!!




O tempo e nós…

30.julho.2013

o tempo

Conversa na frente do elevador (cujo botão de chamada era seguidamente apertado pela mesma pessoa): “Olha, eu tenho um livro pra você ler que é bom demais”! Resposta do outro, preocupado: “É grande”?

Pouco depois, outras pessoas ali mesmo, também apertando o botão com sofreguidão, rola outra conversa: “Descobri um curso para você fazer que é magnífico”! Resposta, com ar franzido: “Demora”?

Não tenho tempo! Esse é quase um brado recorrente. Ora, tempo é questão de prioridade; se digo que não tenho tempo para algo, estou dizendo que aquilo não é prioridade para mim.

Por isso, a questão central não é saber se tenho ou não tempo, mas, isso sim, quais são as minhas prioridades ao viver. Ficar idoso é ter bastante idade e, portanto, avolumar mais tempos; já o envelhecimento vem com vigor quando desistimos de usar o tempo para a fruição, a partilha, o crescimento, e a inovação de si mesma e de si mesmo.

A velhice é uma sensação de que o tempo é algo a ser aguardado na conclusão (o tempo passa…), em vez de usado para reinvenção (vou achar um tempo para isso)…

A velhice é, antes de mais nada, uma desistência.

Em 1924 o …





Feliz Dia Novo - Todos direitos reservados

Desenvolvido por CPC Informática